terça-feira, 7 de agosto de 2012

Qual a fisionomia de um santo?

O desejável perfil das almas virtuosas

Qual a fisionomia espiritual de um homem que vive intimamente unido a Nosso Senhor Sacramentado e à sua Mãe Santíssima? Basta olhar para qualquer Santo, e acha-se a resposta. De um lado, uma doçura celeste, triunfando humildemente no coração do Santo, sobre as investidas, finalmente domadas, do orgulho, da ira, e de todas as paixões a que o homem está sujeito. De outro lado, contemplando esta doçura, uma energia invencível, um carácter varonilmente forte, uma vontade mais inflexível que o aço, toda ela posta a serviço do amor de Deus e do próximo. São assim os santos.

Sem atingir o esplendor desta plenitude espiritual, poderiam ser assim as almas de todos os católicos de vida realmente interior.

Nenhum comentário: